segunda-feira, outubro 14, 2013

É só isso? Não tem mais nenhum assunto além do facto de a termos enganado?

Adoro a ZON! Adoro a TMN! Adoro todas aquelas companhias nas quais não podemos confiar e temos constantemente que nos proteger dos seus erros constantes.
Para mudar de tarifário na TMN, conseguiram dar-me 3 informaçõs diferentes em 3 lojas diferentes. Uma das funcionárias dizia disparates tão inacreditáveis que me questionei se estaria num Programa de "Apanhados"... mas não... a mulher, já quase nos seus 40 anos, não fazia mesmo a mais pálida ideia do que estava a fazer numa loja da PT e, se eu lhe dissesse que queria comprar uma máquina de fazer crepes, acho que ela ainda ia ao armazém procurar uma.
A minha saga com a ZON foi um bocado mais grave porque eles contratam burlões que nos ganham em experiência.
- Senhores da Zon, quero rescindir o meu contrato convosco porque são uns ladrões e a Vodafone faz-me um preço altamente competitivo.
- Ai quer? Espere aí que nós fazemos-lhe um descontinho e ainda fica com a Íris que é uma cena super espectacularmente fantástica.
- Ok. Se me dão uma coisa fantástica por um preço mais baixo, então pode ser. Mande lá vir o sr. para fazer não sei bem o quê com a box e o comando e o camandro.
Olha, a Íris é tão fixe e estou tão satisfeita com o negócio! ... e chega a factura... e estou a pagar o preço tabelado e aquele desconto que iam fazer... onde está ele?
Toca a ligar para a Zon a perguntar pelo prometido desconto. Toca a esperar que alguém do departamento super específico me ligue a resolver o meu problema. E recebo a chamada:
- Ai queria um desconto? Porquê? Porque é que lhe haveríamos de fazer um desconto? - Sim, esta última frase é textual. O Sr. Pedro Costa da Zon perguntou-me porque é que haveria de me fazer um desconto.
- Porque é a condição para eu me manter cliente e porque uma colega sua disse que faria um desconto...
- E tem alguma coisa escrita?
- Não... Sou parva e acredito na palavra dos profissionais que me atendem.
- Os preços estão tabelados e está a pagar o que está tabelado. Não há razão nenhuma para lhe fazer um desconto.
- Ah... Então a V/ palava não vale nada?
- É só isso?
- Só? Vocês não têm honestidade de manterem a palavra e desconfiam dos clientes e acha que é só?

E para ajudar à festa, tenho um contrato de fidelização que me tira todo o poder de negociação. Achava que estava a lidar com uma empresa séria... burra...
O desconto em causa era uma miséria de 2 EUR/mês mas eu tenho a mania parva de não gostar de ser enganada... quem diria? É que meti-me mesmo a jeito!
Uma vez, um Professor meu disse:
- Cada italiano, um ladrão.
Eu acho que os Portugueses estão bem classificados nessa competição. O despudor dá mais uns pontos aos tugas.


Sem comentários: